Café tende a aumentar o desejo por doces

Acafeína tem o poder de fazer as pessoas se sentirem mais despertas, mas de acordo com uma pesquisa recente pode também diminuir a capacidade de sentirmos o doce dos alimentos e, consequentemente, aumentar assim a vontade de consumir alimentos açucarados.

A conclusão consta de um estudo realizado na Universidade de Cornell, nos Estados Unidos da América, que relata que “quando bebemos café cafeinado isso muda a forma como percebemos o sabor durante o tempo em que o efeito permanece. Por isso, se comermos logo depois de beber café cafeinado ou outras bebidas com cafeína iremos ter uma percepção do sabor de forma diferente.”

O estudo

Para chegar a esta conclusão os cientistas dividiram uma comjunto de pessoas em dois grupos: um dos grupos bebeu descafeinado com 200 gramas de cafeína adicionada em laboratório. O outro grupo ingeriu descafeinado com igual quantidade de quinina amarga. Ambos os grupos adicionaram açúcar à bebida e foram alternados, para que provassem também a outra bebida, e depois tiveram que a classificar.
A bebida com cafeína foi considerada a menos doce.

O consumo maior de doces tende a aumentar o risco de incidência de cáries, o que gera consequente impacto no âmbito da odontologia e dos atendimentos odontológicos.

Detalhes adicionais sobre o referido estudo podem ser obtidos aqui

Sugestões de leitura

Morsicatio buccarum

Morder a parte interna da boca: o que causa esse hábito?

Mordeduras na parte interna da boca podem causar lesões na mucosa.  É um comportamento repetitivo e compulsivo.  Pode resultar em sangramento, inflamação e...

Aparelho de cerâmica

Aparelhos de cerâmica: Prós e Contras

Os aparelhos cerâmicos realinham, ajustam e endireitam os dentes da mesma forma que os aparelhos metálicos tradicionais.  No entanto, os aparelhos cerâmicos têm...

Patógeno da periodontite e a conexão com a doença de Alzheimer

Um estudo investigando o papel do Treponema denticola (T. denticola) na patogênese da doença de Alzheimer foi apresentado por Zhiqun Tang do Hospital...

Esclerose múltipla e extrações dentárias

A esclerose múltipla costuma causar fadiga extrema e dificuldades físicas que podem tornar desafiador ao paciente cuidar de sua saúde bucal. Como resultado,...

Mais eficientes na redução da placa e da inflamação gengival

Novo estudo com pacientes com periodontite revela que escovas interdentais e palhetas interdentais de borracha são mais eficientes na redução da placa e...

Crianças com aftas, o que fazer?

As aftas geralmente são úlceras rasas, brancas, cinzas ou amareladas com borda vermelha que podem durar até duas semanas. Algumas pessoas as confundem...

Que tal você se juntar aos nossos clientes e se tornar um case de sucesso também?