Tabagismo associado ao desenvolvimento de bolsas periodontais

Tabagismo e bolsas periodontais

Um estudo realizado por pesquisadores finlandeses e do Reino Unido confirmaram que fumantes apresentam uma maior incidência de bolsas periodontais profundas do que os não fumantes.

O estudo utilizou como referência os níveis sorológicos de cotinina.

A cotinina é o principal produto de degradação (metabólito) da nicotina inalada em cada tragada de cigarro e ingerida com tabaco de mascar.

Ficou demonstrada uma associação direta entre o nível de nicotina e o desenvolvimento de bolsas periodontais.

É consenso na comunidade científica que o tabagismo tem um efeito causal na progressão da doença periodontal.

Conforme o estudo realizado por pesquisadores da Universidade da Finlândia Oriental em Kuopio, Oulu University Hospital na Finlândia e King’s College London no Reino Unido, os autorrelatos se constituem no método mais comum de avaliar no consumo de tabaco por um indivíduo.

No entanto, a divulgação incorreta do estado do tabagismo e do nível de consumo de tabaco pode levar a dados inválidos em estudos que examinam os efeitos do uso do cigarro.

Com a incidência de bolsas periodontais aprofundadas, os pesquisadores avaliaram, portanto, os níveis sorológicos de cotinina dos participantes do estudo.

A cotinina é o metabólito primário da nicotina. A cotinina é um biomarcador quantitativo confiável para exposição a produtos de tabaco contendo nicotina.

O estudo

Foram incluídos 294 participantes e avaliados o estado do tabagismo através de entrevistas domiciliares, resultando na categorização dos participantes do estudo nos seguintes grupos: fumantes diários, fumantes ocasionais, ex-fumantes e não fumantes.

Os níveis de cotinina sérico foram medidos utilizando-se a metodologia radioimunoensaio e fase líquida, e foi realizado um exame oral clínico de seguimento, onde a profundidade das bolsas periodontais foi avaliada utilizando-se a sonda periodontal milimetrada preconizada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para levantamentos epidemiológicos.

Foram avaliadas co-variáveis, incluindo os fatores sócio demográficos dos participantes, tais como educação, comportamento dentário e a higiene oral.

Os pesquisadores verificaram que os participantes que desenvolveram bolsas periodontais ao fim de quatro anos eram homens, fumantes diários, menos instruídos e tinham níveis sorológicos de  cotinina ≥ 42,0 μg/L do que aqueles sem bolsa periodontal ao mesmo período.

Após a adaptação dos fatores, observou-se um razão de taxa de incidência (IRR) de 1,59 para os fumantes diários em comparação com os não fumantes.

Quase sem nenhum risco elevado para o desenvolvimento de bolsas periodontal foi encontrado em fumantes ocasionais e naqueles que deixaram de fumar.

O estudo verificou que a exposição ao tabaco se mostrou associada ao desenvolvimento de bolsas periodontais profundas. Os IRRs para a categoria mais alta (mais 20 cigarros/dia) variaram de 2,03 a 2,41. Num modelo totalmente ajustado, os cigarros/dia de 1 a 9 não estavam associados ao desenvolvimento de bolsas periodontais.

As conclusões do estudo

Ao avaliar a precisão do estado de fumar autodeclarado, os pesquisadores encontraram uma forte correlação entre os fumantes diários e os níveis sorológicos de cotinina e o número autorrelatado de cigarros fumados.

Este estudo revela que o tabagismo está relacionado com a deterioração da saúde periodontal, independentemente da medição do tabagismo se basear em autorrelatos ou no nível sorológico de cotinina, segundo os pesquisadores, salientando que o tabagismo autodeclarado se mostrou consistente com os níveis sorológicos de cotinina encontrados nos participantes do estudo.

 

Siga a Dentalis no Instagram @DentalisSoftware, no Facebook @Dentalis.Software e no twitter @Dentalisnet

Fonte: Effect of smoking on periodontal health and validation of self-reported smoking status with serum cotinine levels

Sugestões de leitura

Morsicatio buccarum

Morder a parte interna da boca: o que causa esse hábito?

Mordeduras na parte interna da boca podem causar lesões na mucosa.  É um comportamento repetitivo e compulsivo.  Pode resultar em sangramento, inflamação e...

Aparelho de cerâmica

Aparelhos de cerâmica: Prós e Contras

Os aparelhos cerâmicos realinham, ajustam e endireitam os dentes da mesma forma que os aparelhos metálicos tradicionais.  No entanto, os aparelhos cerâmicos têm...

Patógeno da periodontite e a conexão com a doença de Alzheimer

Um estudo investigando o papel do Treponema denticola (T. denticola) na patogênese da doença de Alzheimer foi apresentado por Zhiqun Tang do Hospital...

Esclerose múltipla e extrações dentárias

A esclerose múltipla costuma causar fadiga extrema e dificuldades físicas que podem tornar desafiador ao paciente cuidar de sua saúde bucal. Como resultado,...

Mais eficientes na redução da placa e da inflamação gengival

Novo estudo com pacientes com periodontite revela que escovas interdentais e palhetas interdentais de borracha são mais eficientes na redução da placa e...

Crianças com aftas, o que fazer?

As aftas geralmente são úlceras rasas, brancas, cinzas ou amareladas com borda vermelha que podem durar até duas semanas. Algumas pessoas as confundem...

Que tal você se juntar aos nossos clientes e se tornar um case de sucesso também?