Atendimentos odontológicos irão crescer muito no pós-pandemia

O crescimento da busca por atendimentos odontológicos no pós-pandemia

Um relato que li de um dentista californiano nos últimos dias chamou a minha atenção.

Ele vem observando um crescimento expressivo no número de consultas odontológicas por lá nas últimas semanas.

Em sua grande maioria os pacientes têm retornado ao seu consultório em busca de tratamentos, desde profilaxia, clareamento dental até transformações completas no sorriso em níveis superiores aqueles anteriores à pré-pandemia.

Imunidade coletiva conferida pela vacinação impulsiona busca por atendimento odontológico

Como todos já devem ter conhecimento, os Estados Unidos atualmente já conta com uma população de vacinados acima dos 70%. É esse, aliás, o patamar a partir do qual a ciência assegura a existência da chamada imunidade coletiva contra o SARS-CoV-2, responsável pela terrível COVID-19.

O limite de 70% da população elegível para receber as duas doses é importante porque corresponde à taxa estimada para alcançar a chamada imunidade coletiva, capaz de frear a taxa de contágio da pandemia.

O dentista em questão se chama Kourosh Maddahi e é um profissional especializado em Odontologia cosmética.

Ele afirma estar havendo também um aumento expressivo das consultas virtuais internacionais de pessoas interessadas em viajar aos Estados Unidos para trabalhos de odontologia cosmética.

Maddahi diz que as pessoas que o tem procurado afirmam não terem mais medo e se sentirem mais seguras ao buscar um tratamento odontológico.

Segundo ele, “esse sentimento de estar com medo e de estar preocupado, meio que desapareceu entre os norte-americanos.”

À medida que mais americanos são vacinados e diminuem as restrições sanitárias de circulação para o controle da pandemia de COVID-19 mais pessoas buscam os consultórios odontológicos preocupados com o que andou escondido por mais de um ano: os dentes.

Observa-se um aumento de 47% no clareamento dos dentes este ano, conforme a empresa SmileDirectClub, que comercializa kits de clareamento dental.

Sorrisos à mostra

Juntamente com os olhos, os sorrisos são muitas vezes uma das primeiras características em um rosto humano que as pessoas notam ao avaliar umas às outras.

Após passar meses em casa, as pessoas podem estar procurando maneiras de se sentir melhor consigo mesmas à medida que retornam aos seus ambientes sociais.

É vital que as pessoas se sintam melhor consigo mesmas, se sintam melhor com sua saúde, afirma o dentista. “Quando as pessoas começam a voltar para o ambiente social, o valor de um sorriso é simplesmente incrível, torna-se mesmo imprescindível”.

O dentista comenta que por volta de setembro do ano passado, mais pessoas começaram a solicitar algum trabalho cosmético, como “dentes um pouco mais brancos ou mais retos”.

Ele disse que o pequeno aumento pode ter algo a ver com o crescente número de pessoas em trabalho remoto e em videoconferências como o Zoom. Reuniões on-line fizeram as pessoas  exporem seus rostos para seus colegas de trabalho remotamente, aumentando assim a preocupação com seus dentes e sorrisos.

Mesmo assim acrescenta o dentista, seus pacientes ainda não buscavam tantos tratamentos, como a reforma completa do sorriso, que seu consultório estava acostumado a oferecer. Isso mudou nas últimas semanas.

Procura aumentada pela odontologia estética

À medida que mais norte-americanos estão sendo vacinados, os pedidos de tratamentos de odontologia estética continuam aumentando, disse ele.

Alguns pacientes disseram-lhe que estavam insatisfeitos com seus sorrisos durante a pandemia, mas ainda estavam com muito medo de buscar tratamento, até esse momento.

Claramente, se observa a existência de uma demanda reprimida muito grande devido ao medo.

Nas últimas semanas a cidade de Nova Iorque começou a relaxar as medidas restritivas. Isso faz com que muitas pessoas estejam retornando aos seus dentistas em busca de atendimento, incluindo tratamentos de estética odontológica.

Concluindo

O que se observa hoje nos Estados Unidos é o que certamente irá ocorrer em nosso país assim que o Brasil atingir a desejada marca de 70% da população de vacinados.

Alcançar essa marca irá nos permitir retornar a um mundo que, pelas circunstâncias geradas pela pandemia, não estamos mais acostumados e do qual sentimos tanta falta.

A procura por atendimentos odontológicos, seja por novos ou antigos pacientes, certamente irá aumentar e muito.

Um dos destaques será muito provavelmente a busca por tratamentos de caráter estético, pois as pessoas vão querer poder sorrir em público novamente e com toda a segurança que a imunidade coletiva haverá de nos garantir.

As perspectivas são de muito trabalho para todos os dentistas em um futuro muito breve.

Siga a Dentalis no Instagram @DentalisSoftware, no Facebook @Dentalis.Software e no twitter @Dentalisnet

Fonte: NBC News https://www.nbcnews.com/news/us-news/dentists-see-rise-cosmetic-dentistry-requests-pandemic-restrictions-ease-n1271005

Sugestões de leitura

Aparelho de cerâmica

Aparelhos de cerâmica: Prós e Contras

Os aparelhos cerâmicos realinham, ajustam e endireitam os dentes da mesma forma que os aparelhos metálicos tradicionais.  No entanto, os aparelhos cerâmicos têm...

Patógeno da periodontite e a conexão com a doença de Alzheimer

Um estudo investigando o papel do Treponema denticola (T. denticola) na patogênese da doença de Alzheimer foi apresentado por Zhiqun Tang do Hospital...

Esclerose múltipla e extrações dentárias

A esclerose múltipla costuma causar fadiga extrema e dificuldades físicas que podem tornar desafiador ao paciente cuidar de sua saúde bucal. Como resultado,...

Mais eficientes na redução da placa e da inflamação gengival

Novo estudo com pacientes com periodontite revela que escovas interdentais e palhetas interdentais de borracha são mais eficientes na redução da placa e...

Crianças com aftas, o que fazer?

As aftas geralmente são úlceras rasas, brancas, cinzas ou amareladas com borda vermelha que podem durar até duas semanas. Algumas pessoas as confundem...

Diabetes pode enfraquecer os dentes e favorecer a cárie dentária

Diabetes, enfraquecimento dos dentes e cáries Pessoas com diabetes tipo 1 e tipo 2 são propensas a cáries dentárias, e um novo estudo...

Que tal você se juntar aos nossos clientes e se tornar um case de sucesso também?