Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

    Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

    Cuidado com estes mitos sobre saúde bucal

    Cuidar da saúde bucal é essencial para manter uma boa qualidade de vida. Uma boca saudável não apenas melhora a aparência, mas também pode ajudar a prevenir problemas de saúde mais graves, como doenças cardíacas e diabetes.

    No entanto, existem muitos mitos sobre saúde bucal que podem levar a práticas de higiene inadequadas. Esses mitos podem prejudicar os dentes e gengivas, aumentando o risco de cáries, doenças gengivais e outros problemas.

    Conheça seis mitos sobre saúde bucal que você deve evitar

    1. O uso do enxaguante bucal é suficiente para manter a boca limpa

    O enxaguante bucal é um complemento à escovação e ao fio dental, mas não os substitui.

    O enxaguante bucal pode ajudar a remover as bactérias da boca, mas não consegue remover a placa bacteriana e os restos de comida que se acumulam nos dentes e entre eles.

    Exemplo: Uma pessoa que só usa enxaguante bucal pode ter uma boca limpa por fora, mas os dentes e gengivas podem estar cheios de placa bacteriana e restos de comida. Isso pode levar ao desenvolvimento de cáries e doenças gengivais.

    2. O uso do fio dental é inútil

    O fio dental é essencial para remover a placa bacteriana e os restos de comida dos espaços entre os dentes. A escova de dentes não consegue alcançar esses espaços, tornando o fio dental indispensável para uma limpeza bucal completa.

    Exemplo: Uma pessoa que não usa fio dental pode ter uma boca limpa por fora, mas os espaços entre os dentes podem estar cheios de placa bacteriana e restos de comida. Isso pode levar ao desenvolvimento de cáries e doenças gengivais.

    3. A goma de mascar pode substituir a higiene bucal

    A goma de mascar sem açúcar pode ser benéfica para a saúde bucal por ajudar a aumentar a produção de saliva. A saliva, por sua vez, ajuda a remover a placa bacteriana e os restos de comida da boca.

    No entanto, a goma de mascar não substitui a escovação e o fio dental. A goma de mascar só remove a placa bacteriana e os restos de comida da superfície dos dentes. Ela não consegue alcançar os espaços entre os dentes.

    Exemplo: Uma pessoa que só mastiga goma de mascar sem açúcar pode ter uma boca limpa por fora, mas os dentes e gengivas podem estar cheios de placa bacteriana e restos de comida. Isso pode levar ao desenvolvimento de cáries e doenças gengivais.

    4. Se não houver dor, não há necessidade de ir ao dentista

    É importante ir ao dentista regularmente, mesmo que não haja nenhum problema. O dentista pode detectar problemas precocemente, quando eles são mais fáceis de tratar.

    Exemplo: Uma pessoa que não vai ao dentista regularmente pode não perceber que tem cáries ou outras doenças bucais. Isso pode levar a problemas mais graves, que podem exigir tratamentos mais caros e demorados.

    5. Dentes brancos são dentes saudáveis

    A cor dos dentes varia naturalmente. Não há necessidade de clarear os dentes se eles estiverem saudáveis.

    Exemplo: Uma pessoa que clareia os dentes pode ter dentes brancos, mas isso não significa que eles estão saudáveis. Se os dentes estiverem cheios de cáries ou doenças gengivais, eles não serão saudáveis, mesmo que sejam brancos.

    6. Quanto mais você escovar, mais limpos seus dentes vão ficar

    Escovas de dentes muito duras podem danificar o esmalte dos dentes. Escovar com muita força também pode danificar o esmalte.

    Exemplo: Uma pessoa que escova os dentes com muita força pode danificar o esmalte dos dentes. Isso pode levar a sensibilidade dentária e outras complicações.

    Dicas para manter uma boa saúde bucal

    • Escove os dentes após as refeições por ao menos dois minutos, usando uma escova de dentes de cerdas macias e creme dental com flúor;
    • Use fio dental pelo menos uma vez ao dia para remover a placa bacteriana e os restos de comida dos espaços entre os dentes;
    • Visite o dentista regularmente para limpezas e exames.

    Ao seguir essas dicas, você pode ajudar a manter seus dentes e gengivas saudáveis ao longo de sua vida!

    Siga a Dentalis no Instagram @DentalisSoftware, no Facebook @Dentalis. Software, e no Twitter @Dentalisnet

    Fonte: Seis falsos mitos sobre salud bucodental

    Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

      Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

      Sugestões de leitura

      Impacto da Doença Renal Crônica na Saúde Bucal de Mulheres Pós-Menopausa

      Mulheres com idade mais avançada e portadoras de doença renal crônica estão mais expostas ao risco da perda de dentes a ponto de...

      Periodontite e o Risco de AVC em Pessoas com Menos de 50 anos

      A periodontite, uma inflamação das estruturas que sustentam nossos dentes, pode aumentar muito o risco de AVC (derrame cerebral) em pessoas com menos...

      Alerta para os riscos do Xilitol – Novo Estudo

      Um recente estudo, publicado no European Heart Journal, revelou uma ligação preocupante entre o consumo de xilitol, um adoçante de baixas calorias, e...

      Câncer bucal: o dentista pode ser o primeiro a detectar

      Quando vamos ao dentista, geralmente buscamos resolver um problema dental que esteja nos incomodando, obter uma limpeza dental ou melhorar a estética dos...

      Infecções Bucais: Causas, Sintomas e Tratamentos

      Infecções na boca podem ser bem incômodas e causar preocupação, tornando tarefas do dia a dia, como comer ou escovar os dentes, mais...

      Novo Medicamento pode Regenerar Dentes Perdidos

      Os cientistas vêm obtendo progresso no desenvolvimento de um novo medicamento que pode ajudar a regenerar os dentes. Sim, regenerar os dentes. O...