Óleo essencial de canela – um aliado na luta contra infecções bacterianas

O cinamaldeído, um componente do óleo de canela, pode ajudar a eliminar infecções bacterianas.

A descoberta foi feita pela equipe do professor Sanjida Topa, da Universidade de Tecnologia de Swinburne (Austrália), que decidiu pesquisar a medicina tradicional para tentar enfrentar o crescente problema da resistência bacteriana aos antibióticos.

Em um dos experimentos, eles testaram a capacidade do cinamaldeído de romper a camada protetora – o biofilme – que se forma sobre as infecções por Pseudomonas aeruginosa.

Ótimo resultado

A substância extraída da canela quebrou 75,6% dos biofilmes de P. aeruginosa. Além disso, o cinamaldeído também afetou a capacidade de disseminação das bactérias.

“Estas descobertas definitivamente contribuem para a busca de novos antimicrobianos,” disse o Dr. Sandija.

Sugestões de leitura

Aparelho de cerâmica

Aparelhos de cerâmica: Prós e Contras

Os aparelhos cerâmicos realinham, ajustam e endireitam os dentes da mesma forma que os aparelhos metálicos tradicionais.  No entanto, os aparelhos cerâmicos têm...

Patógeno da periodontite e a conexão com a doença de Alzheimer

Um estudo investigando o papel do Treponema denticola (T. denticola) na patogênese da doença de Alzheimer foi apresentado por Zhiqun Tang do Hospital...

Esclerose múltipla e extrações dentárias

A esclerose múltipla costuma causar fadiga extrema e dificuldades físicas que podem tornar desafiador ao paciente cuidar de sua saúde bucal. Como resultado,...

Mais eficientes na redução da placa e da inflamação gengival

Novo estudo com pacientes com periodontite revela que escovas interdentais e palhetas interdentais de borracha são mais eficientes na redução da placa e...

Crianças com aftas, o que fazer?

As aftas geralmente são úlceras rasas, brancas, cinzas ou amareladas com borda vermelha que podem durar até duas semanas. Algumas pessoas as confundem...

Diabetes pode enfraquecer os dentes e favorecer a cárie dentária

Diabetes, enfraquecimento dos dentes e cáries Pessoas com diabetes tipo 1 e tipo 2 são propensas a cáries dentárias, e um novo estudo...

Que tal você se juntar aos nossos clientes e se tornar um case de sucesso também?