Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

    Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

    Tempos difíceis: frequência e intensidade do ranger de dentes (bruxismo) está aumentando

    Se o estresse relacionado à pandemia está fazendo você ranger os dentes, você não está sozinho.

    Tem aumentado muito o número de pessoas que estão rangendo e intensidade  os dentes e a mandíbula como consequência da pandemia de COVID-19.

    “Temos visto um aumento no número de pacientes que procuram consultas para substituir protetores bucais quebrados” que foram rachados ou mastigados, disse o Dr. Leopoldo Correa, diretor do Centro de Dor Craniofacial da Escola de Medicina Dentária da Universidade Tufts, Em Boston.

    Ranger e apertar (“bruxismo”) pode causar fissuras, obturações e coroas; enxaquecas e outras dores de cabeça; dor no rosto, pescoço e mandíbula.

    Pode-se resolver uma situação estressante em curto prazo, ou continuar e evoluir para o estresse crônico, o que pode resultar em sintomas como fadiga, aumento da tensão muscular, depressão, incapacidade de dormir e bruxismo, afirmou o profissional.

    “De acordo com alguns dados, a quantidade de força que criamos ao apertar a mandíbula é em torno de 136 kg”, assegurou o especialista.

    Cinco a 10 minutos de exercícios para o maxilar e rosto por dia podem ajudá-lo a lidar com a situação.

    Veja o que fazer para amenizar o bruxismo

    Mantenha os dentes separados, dobre os dedos e coloque os nós dos dedos em cada lado do rosto. Faça uma automassagem, empurrando para baixo. Se possível, aplique calor ou gelo brevemente na lateral do rosto antes de fazer o exercício de alongamento.

    O recomendável é fazer este treino de 5 a 10 minutos pela manhã. Melhor ainda se realizado à tarde ou no final do dia de trabalho, quando os músculos estão mais fatigados.

    Além disso, pode ser necessário um protetor bucal para separar os dentes e ajudar a prevenir fraturas dos dentes. O protetor também pode reduzir a dor no rosto ou na mandíbula.

    Embora protetores bucais de venda livre estejam disponíveis, somente seu dentista pode projetar um que se encaixe perfeitamente a sua arcada dentária com as características específicas adequadas ao nível de tensão e força aplicadas.

    Siga a Dentalis no Instagram @DentalisSoftware, no Facebook @Dentalis.Software e no twitter @Dentalisnet

    Fontes: Tufts UniversityBioDent LaboratoriesHealthDay

    Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

      Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

      Sugestões de leitura

      Diabetes e doença gengival – a conexão

      Estudos recentes reforçam a constatação de que diabetes e doença periodontal, como periodontite, estão diretamente ligados.

      Fio ou fita dental: qual é a melhor para sua higiene dental?

      Fio ou fita dental são essenciais à rotina diária de limpeza dos dentes. Mas afinal, qual devo escolher? Qual é melhor para você?

      Remédios para asma podem em maior ou menor grau trazerem problemas à sua saúde bucal. Saiba o que fazer e como evitar que isso aconteça.

      Remédios para asma podem fazer mal à saúde bucal?

      Remédios para asma podem em maior ou menor grau trazerem problemas à sua saúde bucal. Saiba o que fazer e como evitar que...

      Aprenda sobre a importância da saúde das gengivas e conheça dicas essenciais para mantê-las saudáveis ao longo da vida.

      Saúde das Gengivas: cuidados essenciais

      Aprenda sobre a importância da saúde das gengivas e conheça dicas essenciais para mantê-las saudáveis ao longo da vida.

      Derrame e saúde bucal: conheça a ligação

      Derrame e saúde bucal estão diretamente relacionados, é o que nos revela um estudo científico recente. Cuidar da saúde bucal é imprescindível.

      Hipersensibilidade dental

      Hipersensibilidade dental: como prevenir e aliviar

      Conheça dicas práticas do que você pode fazer para prevenir e aliviar a desagradável hipersensibilidade dental