A saúde bucal afeta a gravidez?

A saúde bucal influencia a gravidez?

A saúde bucal durante a gravidez pode causar um grande impacto na mãe e no feto.

Embora as mudanças fisiológicas durante a gravidez possam certamente causar problemas de saúde bucal, as condições de saúde bucal pré-existentes podem afetar o bem-estar da mãe e do feto.

Os dentistas podem ajudar seus pacientes, educando-os sobre o impacto potencial de condições dentárias pré-existentes, bem como diagnosticar e tratar condições dentais que podem se desenvolver com ou durante a gravidez.

Condição Pré-Existente

Várias condições pré-existentes podem impactar negativamente a gravidez.

Ao examinar a saúde bucal, os estudos apontam que as mulheres grávidas com doença periodontal pré-existente correm maior risco de desfechos gestacionais comprometidos, incluindo parto prematuro, parto de bebês com baixo peso ao nascer bem como o desenvolvimento de pré-eclâmpsia.

Na verdade, as mulheres com periodontite têm o dobro do risco de parto prematuro;

As complicações do nascimento prematuro podem incluir atrasos no desenvolvimento, redução do crescimento e deficiência auditiva.

Como a periodontite pode causar tudo isso?

As bactérias gram-negativas no biofilme gengival ativam marcadores inflamatórios na corrente sanguínea.

Esses marcadores inflamatórios provocam uma resposta inflamatória imune na unidade fetal-placentária, bem como a supressão de fatores de crescimento locais.

Essa resposta pode desencadear contrações uterinas que podem resultar em trabalho de parto prematuro e / ou bebês com baixo peso ao nascer.

Problemas de saúde bucal durante a gravidez

Durante a gravidez, a placenta produz níveis mais elevados de estrogênio e progesterona. Essas alterações hormonais podem causar aumento da gengivite, sensibilidade gengival e granulomas piogênicos.

Isso se deve em parte ao aumento da permeabilidade vascular gerada pelo hormônio progesterona.

Mulheres grávidas e / ou puérperas também podem negligenciar seus próprios cuidados bucais para se concentrar na saúde e no bem-estar de seu bebê. Isso leva à permanência de placa bacteriana nos dentes e gengivas a longo prazo.

Não surpreendentemente, cerca de 60% a 75% das mulheres grávidas têm gengivite.

Além disso, o vômito que pode ocorrer durante a gravidez eleva o nível de acidez na cavidade oral.

A acidez pode levar à erosão e deterioração da estrutura dentária.

Por último, muitas mulheres hesitam em ir ao dentista durante a gravidez.

Isso pode acontecer porque a necessidade não é percebida, ou elas podem acreditar erroneamente que não é seguro visitar o dentista durante o período gestacional.

No entanto, as pesquisas confirmam que o atendimento odontológico profissional durante a gravidez é essencial para melhorar a saúde bucal. Além disso, quando as diretrizes de gravidez adequadas são seguidas, o atendimento odontológico é seguro durante a gestação.

Sempre que possível, um exame bucal completo é recomendado antes da gravidez.

Isso para atingir uma saúde bucal adequada e, simultaneamente, encorajar a manutenção de bons hábitos de higiene bucal no ambiente doméstico.

Como se comunicar com as pacientes

Os profissionais da odontologia devem alertar as suas pacientes grávidas ou que pretendam engravidar os riscos de doenças pré-existentes, como a periodontite.

Aspectos que o dentista pode destacar em sua conversa com suas pacientes:

  • A bactéria em sua boca afeta o resto do seu corpo e pode realmente levar ao parto prematuro. Vamos trabalhar juntos para tratar sua doença periodontal para você poder ter uma gravidez e um bebê mais saudáveis;

   

  • Eu sei que você está planejando ter filhos em breve. Você sabia que a bactéria que causa sua doença periodontal pode afetar negativamente sua gravidez?

   

  • Com o tratamento adequado e cuidados domiciliares, podemos trabalhar juntos para tratar sua doença periodontal.

 

  • Durante a gravidez, seus hormônios podem tornar suas gengivas mais suscetíveis a inchaço e irritação. É muito importante que você mantenha a placa bacteriana sob controle. Procure utilizar regularmente o fio dental e escovar os dentes com uma escova de dentes adequada.

Concluindo

O paciente e o dentista devem trabalhar juntos para interromper esse ciclo perverso. E para tanto, é essencial seguir um programa de higiene oral diária: escovação e limpeza interdental, exames regulares de saúde bucal e tratamento adequado da doença periodontal precocemente.

A higiene bucal em mulheres grávidas pode ser melhorada ampliando sua rotina de higiene bucal em casa com os produtos de higiene oral adequados.

O principal fator para gengivite em mulheres grávidas, a placa bacteriana, pode provavelmente ser melhorada pela higiene aprimorada, incluindo o uso de pastas antimicrobianas e enxaguatório antimicrobiano.

A adoção de uma escova dental elétrica pode facilitar e melhorar a qualidade da higiene bucal.

Ajudar suas pacientes a cuidar bem da saúde de seus dentes e gengivas durante a gravidez pode ajudá-las a ter uma gravidez tranquila e um bebê saudável.

Siga a Dentalis no Instagram @DentalisSoftware, no Facebook @Dentalis. Software, e no twitter @Dentalisnet

Fontes: Oral care in pregnancyThe Importance of Oral Health during Pregnancy: A reviewMaternal periodontitis and preterm birth: Systematic review and meta-analysisPeriodontal Disease and Pregnancy Outcomes: Overview of Systematic ReviewsNeonatal complications following preterm birthAssociation of periodontitis with preterm birth and low birth weight: a comprehensive reviewFour Ways Pregnancy Affects Oral HealthIs It Safe to Go to the Dentist During Pregnancy?

Sugestões de leitura

Conicidade e proximidade da raiz do dente tem relação com a periodontite?

Um estudo recente que buscou avaliar a relação entre a anatomia radicular e o estado periodontal, encontrou evidências de como a conicidade radicular...

Aparelho de cerâmica

Aparelhos de cerâmica: Prós e Contras

Os aparelhos cerâmicos realinham, ajustam e endireitam os dentes da mesma forma que os aparelhos metálicos tradicionais.  No entanto, os aparelhos cerâmicos têm...

Patógeno da periodontite e a conexão com a doença de Alzheimer

Um estudo investigando o papel do Treponema denticola (T. denticola) na patogênese da doença de Alzheimer foi apresentado por Zhiqun Tang do Hospital...

Esclerose múltipla e extrações dentárias

A esclerose múltipla costuma causar fadiga extrema e dificuldades físicas que podem tornar desafiador ao paciente cuidar de sua saúde bucal. Como resultado,...

Nova estratégia para prevenção e tratamento da cárie dentária

Uma das infecções mais comuns relacionadas ao biofilme é a cárie dentária, que afeta uma população de mais de 60% das crianças e...

Mais eficientes na redução da placa e da inflamação gengival

Novo estudo com pacientes com periodontite revela que escovas interdentais e palhetas interdentais de borracha são mais eficientes na redução da placa e...

Que tal você se juntar aos nossos clientes e se tornar um case de sucesso também?