Bochecho com óleo de coco: benefícios, como fazer e os riscos

Óleo de coco para os dentes

A prática do bochecho com óleo é uma tradição indiana. Por conta de seus supostos benefícios à saúde, sua popularidade cresceu nos últimos anos e se espalhou para outras regiões e países;

O bochecho com óleo de coco pode se encaixar facilmente em uma rotina de saúde bucal

O óleo de coco está disponível em supermercados e mesmo on-line, e ele é o único ingrediente.

Abaixo, detalhamos o bochecho com óleo e como ele pode ser feito.

Também analisamos o que os pesquisadores e profissionais dizem sobre os possíveis benefícios e outras considerações.

O que é afinal o “bochecho com óleo”?

O bochecho com óleo significa literalmente bochechar o óleo na boca.

É como usar enxaguatório bucal, mas por um período mais longo.

O óleo de coco é absorvível e tem vários benefícios de saúde reconhecidos, incluindo a redução da inflamação e sua capacidade  de atacar bactérias orais prejudiciais.

Também é comestível, portanto, apresenta poucos riscos para o uso oral.

A maioria dos defensores do bochecho com óleo recomendam utilizar 1 colher de sopa de óleo colocado diretamente na boca. Em seguida esse conteúdo deve ser bochechado por 1— 20 minutos, eliminando o óleo ao final deste período.

Benefícios

São relacionados como benefícios do bochecho com óleo de coco:

Eliminação de bactérias nocivas da boca

A boca contém uma população diversificada de bactérias. Algumas são prejudiciais e podem causar cáries, mau hálito e doenças gengivais.

Uestudo de 2016 com 60 participantes observou que a prática do bochecho com óleo pode reduzir a população de bactérias na saliva e colaborar com a higiene oral.

Os pesquisadores afirmam que o óleo de coco é uma alternativa segura à clorexidina, um ingrediente ativo de alguns enxaguantes bucais comerciais.

Redução do mau hálito

O mau hálito geralmente resulta do acúmulo de bactérias na boca. Isso pode estar relacionado à má higiene bucal, infecção ou doença gengival.

Um estudo de 2011 demonstrou que o bochecho com óleo pode ser um forma de tratamento natural eficaz para o mau hálito.

Prevenção de cáries

As cáries são o resultado do acúmulo de bactérias, higiene oral deficiente e consumo de açúcar.

A placa dental é composta de uma camada de bactérias, saliva e partículas de alimentos.

Ela reveste os dentes e pode danificar o seu esmalte, causando eventualmente cáries.

De acordo com uma pesquisa de 2016, o bochecho com óleo pode reduzir a população de bactérias causadoras da cárie dental. Com a escovação e o uso do fio dental, o bochecho com óleo pode ser um meio adicional para garantir uma melhor saúde bucal.

Reduzindo a inflamação e melhorando a saúde das gengivas

As bactérias presentes na placa podem contribuir para a gengivite, uma doença gengival que causa vermelhidão, inchaço e inflamação.

Também pode fazer com que as gengivas sangrem facilmente. Esta

pesquisa sugere que o óleo de coco pode reduzir a inflamação.

Além disso, de acordo com um pequeno

estudo de 2015 e outro de 2020, o bochecho com óleo de coco pode reduzir a formação de placa e ajudar na prevenção da gengivite ao inibir a formação da placa dental.

Clareando os dentes

Nenhuma evidência científica confirmou que o bochecho com óleo pode clarear os dentes.

No entanto, informalmente sugere-se que o procedimento pode limpar as manchas superficiais dos dentes.

Há que se salientar existir pouco risco em tentar clarear os dentes dessa maneira.

Riscos e considerações

Não é seguro para pessoas com alergia a coco ou óleo de coco fazer uso dessa técnica.

Caso contrário, não há riscos conhecidos.

É importante notar que o bochecho com óleo não substitui a escovação, o uso do fio dental ou outras técnicas de higiene bucal.

Como realizar o bochecho com óleo

Coloque uma colher de sopa de óleo de coco na boca.

Quem não gosta do sabor pode substituir pelo óleo de gergelim ou azeite de oliva.

Procure espalhar o óleo pela boca em bochechos por

15-20 minutos. Se for difícil manter o óleo na boca por um período tão longo, tente começar com 5 ou 10 minutos e aumente gradativamente a duração.

No final do período, elimine todo o óleo. Não engula o óleo,

A maioria dos guias sugere escovar os dentes imediatamente depois. Outros dizem que é melhor esperar um pouco para promover a retenção de bactérias boas e o reequilíbrio do microbioma oral.

Em qualquer caso, use uma escova de dentes diferente após o bochecho com óleo daquela usada para a higiene diária dos dentes.

 

Resumindo

Há evidências científicas de alguns benefícios da prática do bochecho com óleo de coco.

No entanto, faltam evidências de alta qualidade.

O bochecho com óleo continua sendo uma técnica simples, geralmente acessível e geralmente segura e pode ser adicionada à rotina de saúde bucal.

Siga a Dentalis no Instagram @DentalisSoftware, no Facebook @Dentalis. Software, e no Twitter @Dentalisnet

Fontes: The effect of oil pulling with coconut oil to improve dental hygiene and oral health: A systematic reviewThe Effect of Coconut Oil pulling on Streptococcus mutans Count in Saliva in Comparison with Chlorhexidine Mouthwash,  Effect of oil pulling on halitosis and microorganisms causing halitosis: a randomized controlled pilot trialAnti-inflammatory, analgesic, and antipyretic activities of virgin coconut oilOil pulling for maintaining oral hygiene – A review 

Sugestões de leitura

Morsicatio buccarum

Morder a parte interna da boca: o que causa esse hábito?

Mordeduras na parte interna da boca podem causar lesões na mucosa.  É um comportamento repetitivo e compulsivo.  Pode resultar em sangramento, inflamação e...

Conicidade e proximidade da raiz do dente tem relação com a periodontite?

Um estudo recente que buscou avaliar a relação entre a anatomia radicular e o estado periodontal, encontrou evidências de como a conicidade radicular...

Aparelho de cerâmica

Aparelhos de cerâmica: Prós e Contras

Os aparelhos cerâmicos realinham, ajustam e endireitam os dentes da mesma forma que os aparelhos metálicos tradicionais.  No entanto, os aparelhos cerâmicos têm...

Patógeno da periodontite e a conexão com a doença de Alzheimer

Um estudo investigando o papel do Treponema denticola (T. denticola) na patogênese da doença de Alzheimer foi apresentado por Zhiqun Tang do Hospital...

Esclerose múltipla e extrações dentárias

A esclerose múltipla costuma causar fadiga extrema e dificuldades físicas que podem tornar desafiador ao paciente cuidar de sua saúde bucal. Como resultado,...

Nova estratégia para prevenção e tratamento da cárie dentária

Uma das infecções mais comuns relacionadas ao biofilme é a cárie dentária, que afeta uma população de mais de 60% das crianças e...

Que tal você se juntar aos nossos clientes e se tornar um case de sucesso também?