Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

    Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

    Dente lascado ou rachado: o que fazer

    Se você mordeu um pedaço alimento duro ou levou um tombo desagradável, um dente lascado ou rachado pode ser uma experiência dolorosa e até assustadora.


    No entanto, 
    a boa notícia é que as técnicas modernas de odontologia oferecem muitas maneiras de corrigir um dente lascado ou rachado, a fim de restaurar seu sorriso rapidamente e sem complicações.

    Confira nosso guia para tratar uma rachadura ou lasca em seu dente, para você saber exatamente o que fazer no caso de um acidente dentário.

    O que pode resultar em um dente lascado?

    Mesmo que o esmalte dos dentes seja uma das substâncias mais fortes do seu corpo, ele ainda pode ser vulnerável a lascas e rachaduras.

    Alguns dos fatores que podem fazer com que os dentes fiquem lascados ou rachados são:


    ● 
    Pressão exagerada e irregular na mastigação;


    ● 
    Estresse ou tensão nos dentes;


    ● 
    Acidentes que afetam a cavidade bucal;

     Morder alimentos duros, como nozes, caramelo, balas duras ou gelo;


    ● 
    Ranger ou apertar os dentes;


    ● 
    Mudanças significativas na temperatura da boca, como consumir substâncias extremamente quentes ou frias.

    Um dente lascado é uma emergência odontológica?

    Se um dente lascado é ou não uma emergência depende da situação em si.

    Se o dente estiver causando dor significativa ou se houver pedaços irregulares de dente em sua boca que possam cortar suas bochechas ou gengivas, é melhor procurar atendimento odontológico de emergência.

    Em alguns casos, o dente lascado será perceptível, mas não será um problema de saúde imediato.

    Nesse caso, pode parecer estranho tocar o dente com a língua, mas sem provocar dor alguma.

    Também não é uma emergência se o dente não apresentar riscos de cortar sua língua ou bochechas com suas bordas afiadas.

    No entanto, mesmo que seu dente lascado não seja uma emergência imediata, é aconselhável marcar uma consulta com seu dentista.

    Ele poderá avaliar os danos e recomendar o melhor tratamento para o caso.

    O que devo fazer se eu lascar meu dente?

    Em primeiro lugar, não entre em pânico!

    O seu dentista poderá ajudar a resolver o problema do seu dente lascado e trabalhar para restaurar o seu sorriso o mais rápido possível.

    Até você poder ir ao dentista, é importante evitar colocar qualquer pressão desnecessária no dente afetado. Evite mastigar no lado da boca afetado e também consumir alimentos muito quentes ou frios.

    Fazer bochechos com água e sal pode ajudar a afastar eventuais riscos de infecções.

    Como reparar um dente lascado?

    Uma vez que você esteja na cadeira do dentista, seu dentista poderá avaliar o dano e decidir sobre o melhor curso de ação para tratar seu dente lascado ou rachado.

    Existem várias opções para corrigir rachaduras e lascas no esmalte dos dentes, que dependerão da gravidade do dano.

    Aqui estão alguns dos tratamentos dentários que podem ser recomendados para restaurar um dente lascado ou rachado:

    União

    Este método é frequentemente usado para lascas pequenas ou casos menos complexos.

    A colagem envolve a moldagem de um material compósito sobre a lasca, fixada sobre o dente e moldado para criar uma cobertura de aparência natural sobre o dente lascado.

    A ligação é então definida usando uma luz azul especial para endurecer o material. Se você praticar uma boa higiene bucal e cuidar adequadamente do dente lascado, as ligações podem durar até dez anos.

    Facetas

    Se o dente lascado ou rachado representar algo mais sério, ou complexo, seu dentista pode recomendar um verniz dentário para cobrir o dano.

    Uma faceta se constitui numa fina camada de porcelana, aplicada na frente do dente.

    O resultado é uma aparência suave e natural que combina com seus dentes originais.

    Como as facetas podem ser aplicadas em vários dentes para criar uma aparência consistente, você pode querer melhorar seu sorriso geral enquanto conserta seu dente lascado.

    As facetas são duráveis ​​e resistentes, durando até vinte anos se forem bem cuidadas.

    Coroas Dentais

    As coroas dentárias são semelhantes às facetas, pois cobrem a superfície dos dentes.

    No entanto, ao contrário das facetas, as coroas são projetadas para cobrir todo o dente e não apenas a parte visível na frente.

    Se a rachadura ou quebra no dente resultou na perda de grande parte do dente original, as coroas dentárias podem ser uma opção adequada.

    As coroas também podem ajudar a prevenir mais danos ao dente, como cáries e dor decorrente da exposição de nervos.

    Se sua coroa precisar ser aplicada em duas visitas, você receberá uma coroa temporária para proteger seu dente danificado.

    Restaurações Dentárias

    Se a lasca tiver ocorrido em um dente posterior ou molar que não seja proeminente em sua boca, as restaurações dentárias podem ser a melhor opção de tratamento.

    Enquanto as obturações de metal costumavam ser o tipo mais comum, hoje em dia temos materiais mais avançados, como a porcelana, que combinam melhor com a aparência natural dos outros dentes.

    Tratamento de canal

    Em circunstâncias severas, como quando a maioria do dente foi quebrado, seu dentista pode recomendar a cirurgia de canal radicular como uma opção restauradora.

    O tratamento do canal radicular envolve a colocação de um pino especial no canal do dente para reconstruir a estrutura o suficiente para permitir que uma coroa seja anexada. O resultado é um sorriso perfeitamente restaurado.

    O que acontece se você não consertar um dente lascado?

    O impacto de um dente lascado pode variar.

    Claro, há o elemento estético puro e simples. Se a lasca no dente for visível, ela ficará evidente para todos enquanto você come ou bebe e também nas fotos e ‘selfies’.

    Mas também há consequências muito mais sérias.

    Em primeiro lugar, um dente lascado pode se tornar um dente enfraquecido, o que significa que você pode deixá-lo propenso a outras lascas e rachaduras, o que pode agravar muito a situação.

    E com um dente lascado, existe a possibilidade do dente ficar infectado e da ocorrência de danos ao nervo.

    Isso pode levar a problemas muito maiores, como infecção dental e morte do nervo, que normalmente requer um canal tratamento de canal (e depois uma coroa) para corrigir o problema.

    Seja a lasca do dente pequena ou grande, consertá-lo geralmente vale o tempo e o investimento para evitar maiores problemas no futuro.

    Vale a pena consertar um dente lascado?

    Um dente lascado não é apenas um problema estético, pode levar a sérios problemas de saúde bucal se não for tratado precocemente.

    Se você está preocupado com um dente seu lascado ou rachado, procure um consultório odontológico mais próximo e marque uma consulta.

    Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

      Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

      Sugestões de leitura

      Fio ou fita dental: qual é a melhor para sua higiene dental?

      Fio ou fita dental são essenciais à rotina diária de limpeza dos dentes. Mas afinal, qual devo escolher? Qual é melhor para você?

      Remédios para asma podem em maior ou menor grau trazerem problemas à sua saúde bucal. Saiba o que fazer e como evitar que isso aconteça.

      Remédios para asma podem fazer mal à saúde bucal?

      Remédios para asma podem em maior ou menor grau trazerem problemas à sua saúde bucal. Saiba o que fazer e como evitar que...

      As impressoras 3D estão revolucionando a odontologia. Conheça suas aplicações e os benefícios para dentistas e pacientes.

      Impressoras 3D na odontologia: uma revolução em curso

      As impressoras 3D estão revolucionando a odontologia. Conheça suas aplicações e os benefícios para dentistas e pacientes.

      Aprenda sobre a importância da saúde das gengivas e conheça dicas essenciais para mantê-las saudáveis ao longo da vida.

      Saúde das Gengivas: cuidados essenciais

      Aprenda sobre a importância da saúde das gengivas e conheça dicas essenciais para mantê-las saudáveis ao longo da vida.

      Derrame e saúde bucal: conheça a ligação

      Derrame e saúde bucal estão diretamente relacionados, é o que nos revela um estudo científico recente. Cuidar da saúde bucal é imprescindível.

      Hipersensibilidade dental

      Hipersensibilidade dental: como prevenir e aliviar

      Conheça dicas práticas do que você pode fazer para prevenir e aliviar a desagradável hipersensibilidade dental