Conheça como o Dentalis pode ajudar o seu consultório

As muitas doenças que um exame bucal pode revelar

Uma visita ao consultório do dentista pode fornecer um panorama da saúde do coração e do cérebro.

Estima-se que mais de 100 doenças podem apresentar sintomas na boca

Por exemplo, a doença periodontal, resultante de infecções e inflamação das gengivas e ossos que sustentam e circundam os dentes, é mais comum e pode ser mais grave em pessoas com diabetes.

Há casos também de medicamentos prescritos que podem afetar a boca. 

Por exemplo, alguns medicamentos usados ​​para tratar a hipertensão podem atuar sobre as gengivas deixando-as inflamadas.

Vemos muitas doenças sistêmicas com sinais e sintomas orais“, afirma a Dra. Jennifer Perkins, diretora-executiva de educação clínica da Faculdade de Odontologia da Universidade da Califórnia em São Francisco (UCSF).

Os dentistas podem perceber sinais de alerta sobre a saúde geral de um paciente antes mesmo de começar a mexer na boca. 

A Dra. Perkins ensina em vários cursos focados na avaliação e acompanhamento dos históricos de saúde dos pacientes.

Através desse processo, às vezes encontramos importantes descobertas médicas“, disse ela. Os alunos que trabalham com o corpo docente da UCSF encontram sintomas ou preocupações em pacientes todos os dias que podem precisar de uma consulta, ou encaminhamento para um profissional de saúde

Seguem alguns exemplos.

Hipertensão

Muitos consultórios odontológicos solicitam aos visitantes de primeira viagem que preencham formulários de histórico médico atualizados periodicamente, assim como acontece nos consultórios médicos.

Cada contato que um paciente faz com o sistema de saúde é outra oportunidade de prevenção, e a hipertensão é um exemplo clássico de uma condição em que isso pode fazer toda a diferença“, disse Dr. Dhruv Satish Kazi, professor associado de medicina da Harvard Medical Escola em Boston. Muitas clínicas odontológicas verificam por rotina a pressão arterial, disse ele, “e podem, portanto, identificar os pacientes que precisam ser conectados aos cuidados”.

Consultórios odontológicos, acrescentou, podem servir como ponto de contato para outros serviços, especialmente para moradores de áreas de baixa renda ou áreas rurais que podem não contar com muitos profissionais de saúde.

Para pessoas já diagnosticadas com pressão alta, alguns medicamentos para hipertensão podem causar xerostomia (boca seca). Quando as glândulas salivares não produzem saliva suficiente para manter a boca úmida, a cárie dentária se acelera, pois a saliva protege contra a cárie. Nesses casos, disse a Dra. Perkins, os dentistas trabalham em parceria com o médico do paciente para gerenciar os efeitos colaterais desses medicamentos.

Diabetes

O diabetes não tratado pode levar a sérios problemas médicos, incluindo doenças cardiovasculares. Em alguns pacientes, Perkins afirma que o nível médio de açúcar no sangue pode levar a interrupções no microbioma oral – a vasta coleção de bactérias, vírus e outros micróbios amigáveis ​​que vivem na boca. Isso pode significar doença gengival, perda óssea e perda de dentes, disse ela.

Nós vemos esse fenômeno em que as pessoas que se consideram saudáveis acabam não indo ao médico“, disse Perkins. ” Como diabetes e hipertensão (não diagnosticadas) podem se apresentar sem sintomas claros, o dentista pode ser o primeiro a vê-los. Infelizmente, não é incomum vermos”.

HIV

Perkins tratou pessoas posteriormente diagnosticadas com HIV após encontrar lesões na boca que não apareceriam em alguém com um sistema imunológico funcional. O risco de doença cardiovascular para pessoas que vivem com HIV é 1,5 a duas vezes maior do que para pessoas sem o vírus, de acordo com uma declaração científica da American Heart Association sobre doenças cardiovasculares e HIV

COVID

A Dra. Perkins afirma que a Faculdade de Odontologia da UCSF testou pacientes para COVID-19 antes de procedimentos odontológicos desde o início da pandemia em 2020 para proteger alunos, funcionários e outros pacientes da infecção. 

Sua clínica apenas recentemente mudou para não exigir testes antes dos procedimentos para pessoas que estão totalmente vacinadas e receberam as doses de reforço.

Pesquisas mostram que o coronavírus pode prejudicar o coração e o cérebro. E condições como HIV, diabetes e possivelmente pressão alta estão entre aquelas que podem levar a condições mais graves do COVID-19, de acordo com o CDC Norte-americano. 

Embora os dentistas possam detectar várias condições de saúde, o Dr. Kazi advertiu contra pensar que os dentistas são um profissional de saúde que possa tratar todos os problemas de saúde do paciente.

É um pensamento mágico pensar que nossos colegas dentistas possam ter amplo conhecimento para falar longamente sobre doenças cardíacas, assim como nossos colegas de cardiologia não têm conhecimento para falar sobre saúde bucal de forma mais ampla“, disse o Dr. Kazi. 

Mas há sinergias suficientes para que os dois se conectem e melhorem a triagem e os cuidados cardiovasculares“.

Siga a Dentalis no Instagram @DentalisSoftware, no Facebook @Dentalis. Software, e no Twitter @Dentalisnet

Fonte: Health conditions a dentist might find that have nothing to do with your teeth 

Conheça como o Dentalis pode ajudar o seu consultório

Sugestões de leitura

Câncer bucal: novo teste para detecção

Novo teste que possibilita a detecção precoce do câncer bucal sem a necessidade de procedimentos invasivos. Conheça essa ótima novidade!

Solução de Fluoreto de Diamina: Redução de até 80% das Cáries em Crianças

Novo estudo descobriu que uma solução barata usada para tratar dentes sensíveis pode ser tão eficaz quanto os selantes dentários na prevenção da...

Aplicações da Inteligência Artificial na Odontologia

A inteligência artificial (IA) já é uma realidade na odontologia, que pode crescer muito nos próximos anos, com muitos benefícios.

Pacientes em uso de Ozempic: quais cuidados o dentista deve ter

Quais cuidados o dentista precisa ter antes da realização de procedimentos com anestesia que exijam sedação profunda

Quando levar seu bebê no dentista pela primeira vez?

A chegada do primeiro dentinho do bebê é um marco emocionante. Mas você sabia que esse momento também marca o início de uma...

A Raiz do Mau Hálito: A Ciência Revela

Ciência revela a origem do mau hálito e sua associação com as bactérias da flora bucal. Saiba como prevenir e tratar o mau...