Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

    Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

    Por que gestantes vão pouco ao dentista?

    Uma nova pesquisa demonstrou que, embora muitas mulheres grávidas e novas mães sofram de problemas de saúde oral, um número considerável não visita o dentista regularmente. Mais de um terço das entrevistadas afirmaram não ter tido uma avaliação dental por mais de um ano. A pesquisa indicou também que os profissionais de saúde desempenham um papel fundamental na educação das mulheres sobre as formas de melhorar os hábitos da saúde oral.
     
    A fim de obter uma percepção sobre os padrões de visita das mulheres ao dentista e o conhecimento sobre o impacto da saúde bucal no bem estar delas próprias e de seus bebês, Cigna Corp., uma empresa de serviços globais de saúde, realizou uma pesquisa on-line em agosto entre 801 mulheres grávidas e novas mães com idade entre 21e 45 anos.
     
    Apenas 55 por cento das participantes da pesquisa classificaram sua saúde bucal como muito boa ou excelente e 76 por cento relataram problemas de saúde oral durante a gravidez, incluindo sangramento das gengivas, uma maior sensibilidade nos dentes e dor de dente. No entanto, apenas 43 por cento das mulheres grávidas declararam que tinham ido a exames dentários durante a gravidez, e 36 por cento disseram que não tinham ido ao dentista por mais de um ano. O custo do tratamento odontológico foi a principal razão para evitar visitas ao dentista, principalmente em mulheres grávidas sem seguro odontológico. No total, 33 por cento das mulheres inquiridas disseram que tinham pulado os exames dentários durante a gravidez, pois elas estavam preocupadas com o possível alto custo.
     
    Além disso, a pesquisa indicou que intervenções direcionadas por profissionais médicos poderiam melhorar significativamente os hábitos de saúde oral das gestantes e novas mães. Apenas 44 por cento das participantes disseram que seu médico discutiu saúde oral com elas durante as visitas de rotina durante a gravidez. Cerca de 77 por cento destas mulheres visitaram o dentista ao passo que apenas 41 por cento das mulheres que não foram instruídas sobre saúde bucal com o seu médico assim o fez. Os profissionais médicos também podem desempenhar um papel chave nas condições de prevenção de saúde bucal associadas a certos medicamentos. Cerca de 31 por cento das mulheres grávidas e 29 por cento das novas mães estão em manutenção com medicamentos para doenças crônicas, como asma, diabetes e pressão arterial elevada, o que pode diminuir o fluxo salivar e, assim, aumentar o risco de cárie dentária e doença periodontal, por exemplo.
     
    No que diz respeito aos hábitos de higiene oral diário de novas mães, os pesquisadores descobriram que 36 por cento escovavam os dentes e passavam fio dental com menor frequência desde o parto, 67 por cento das quais declararam não terem tempo para acompanhar sua higiene.
     
    O relatório completo pode ser acessado e baixado no endereço www.cigna.com. 

    Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

      Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

      Sugestões de leitura

      Novo Antibiótico: Uma Inovação Promissora para a Odontologia

      Hoje falaremos sobre uma descoberta que pode revolucionar o tratamento das infecções odontológicas. Recentemente, foi desenvolvido um novo antibiótico que representa um avanço...

      Um elixir que pode combater a periodontite: conheça o elixir de Matcha.

      Hoje vamos conversar sobre uma descoberta que pode contribuir para o tratamento da periodontite.Vocês já ouviram falar do elixir oral de Matcha? Pois...

      Gel de lidocaína: uma técnica anestésica útil para a terapia periodontal não cirúrgica

      Hoje compartilharemos com vocês uma descoberta interessante na área da odontologia. Recentemente um estudo publicado no Journal of Periodontology destacou a eficácia do gel...

      Bruxismo e TEPT: Ranger os dentes pode ser sinal de estresse pós-traumático

      Hoje vamos compartilhar com vocês algumas informações interessantes sobre um tema que pode afetar muitas pessoas: o transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) e...

      Magnificação na Odontologia Moderna: Abrindo Caminhos para Precisão e Conforto

      Hoje vamos abordar  um assunto muito importante na odontologia moderna: a magnificação. É incrível como essa tecnologia tem se mostrado um aliado indispensável,...

      Odontologia restauradora: solução Inovadora para Dentes Pilares Não Paralelos

      No dinâmico cenário da odontologia, um avanço significativo surge para enfrentar um desafio persistente enfrentado por pacientes e profissionais: dentes pilares não paralelos....