Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

    Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

    Saúde bucal ruim pode aumentar o risco de câncer de fígado

    Saúde bucal ruim eleva risco de câncer de fígado

    Desde criança aprendemos com nossos pais da importância de escovarmos os dentes e usarmos o fio dental após as refeições para manter os dentes limpos e saudáveis.

    No entanto, manter dentes saudáveis requer uma vida inteira de cuidados, uma boa rotina de higiene bucal e a ocasional ida ao dentista.

    Infelizmente, grande parte de nossa população por motivos diversos acaba não indo ao dentista ao menos uma vez ao ano.

    A má higiene bucal não só deixa um impacto duradouro na saúde bucal, causando doenças gengivais e cárie dentária, como também pode levar condições ainda piores como doenças cardíacas e diabetes como já apresentamos aqui no blog.

    Agora, pesquisas recentes sugerem que a má saúde bucal também pode aumentar o risco do desenvolvimento certos cânceres, incluindo o câncer de fígado.

    Um estudo publicado no United European Gastroenterology Journal encontrou uma ligação substancial entre a saúde bucal ruim e o câncer hepatobiliar. Em particular, aumentou o risco de desenvolver carcinoma hepatocelular — a forma mais comum de câncer de fígado — em até 75%.

    “A má saúde bucal tem sido associada ao risco de várias doenças crônicas, como doenças cardíacas, acidente vascular cerebral e diabetes”, disse a autora principal Haydee Jordão.

    “No entanto, há evidências inconsistentes sobre a associação entre saúde bucal ruim e tipos específicos de cânceres gastrointestinais, o que nossa pesquisa teve como objetivo examinar.”

    Saúde bucal ruim e risco de câncer de fígado

    O câncer de fígado vem sendo um problema de saúde crescente nas últimas décadas. Conforme os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC americano), cerca de [33.000 pessoas são diagnosticadas com câncer de fígado todos os anos](https://www.cdc.gov/cancer/liver/index.htm), com cerca de 27.000 desses pacientes morrendo pela doença.

    No entanto, acredita-se que muitos desses casos de câncer de fígado são realmente evitáveis, pois seus fatores de risco muitas vezes se relacionam com escolhas de estilo de vida, como obesidade, tabagismo e até consumo de álcool.

    Para este estudo, pesquisadores da Queen’s University Belfast, no Reino Unido, investigaram a associação entre condições de saúde bucal e risco de câncer gastrointestinal, incluindo cânceres de fígado, cólon, reto e pâncreas.

    A pesquisa

    A equipe de pesquisa inscreveu 469.628 participantes usando dados do estudo de coorte prospectiva do Biobank do Reino Unido. Entre esses participantes, os pesquisadores detectaram 4069 casos de câncer gastrointestinal durante o acompanhamento de seis anos, dos quais 13% referiram ter saúde bucal ruim. Observaram também que os participantes com saúde bucal ruim eram mais propensos a serem mais jovens, do sexo feminino, residentes em áreas socioeconômicas carentes e consumiam menos de duas porções de frutas e hortaliças diariamente.

    De forma geral, os pesquisadores observaram que, embora não houvesse associações entre a saúde bucal ruim confirmada pelos participantes e o risco de câncer gastrointestinal, novas análises revelaram a existência de um risco significativamente maior de desenvolver carcinoma hepatocelular em pessoas que com má saúde bucal.

    No entanto, os pesquisadores explicaram que os mecanismos biológicos que explicam porque a má saúde bucal pode estar fortemente associada ao câncer de fígado em vez de outros cânceres digestivos ainda são desconhecidos no momento. Uma teoria potencial que eles propuseram é o papel potencial das microbiotas orais e intestinais no desenvolvimento de doenças.

    “O fígado contribui para a eliminação de bactérias do corpo humano”, disse o pesquisador. “Quando o fígado é afetado por doenças, como hepatite, cirrose ou câncer, sua função diminuirá e as bactérias sobreviverão por mais tempo, e assim, terão o potencial de causar mais danos.

    Uma bactéria, Fusobacterium nucleatum, tem origem na cavidade oral, mas seu papel no câncer de fígado não é claro. Outros estudos que investigam o microbioma e o câncer de fígado são, portanto, justificados.”

    Outra teoria

    Outra teoria ao explicar o maior risco de câncer de fígado devido à má saúde bucal sugere que os participantes com um alto número de dentes faltando podem ter sido influenciados a alterar sua dieta para consumir alimentos mais macios e menos nutritivos, levando a um risco aumentado para o câncer de fígado.

     

    Resumindo

    Sua saúde bucal pode afetar muito mais do que apenas sua boca e dentes; também pode contribuir para uma variedade de outras condições de saúde. Ao melhorar sua saúde bucal, você pode reduzir o risco de desenvolver certos cânceres, inclusive de fígado, bem como outros problemas de saúde.

    Siga a Dentalis no Instagram @DentalisSoftware, no Facebook @Dentalis.Software e no twitter @Dentalisnet

    Fontes: The association between self‐reported poor oral health and gastrointestinal cancer risk in the UK Biobank: A large prospective cohort studyUnited European Gastroenterology Journal

    Deixe seus dados para receber mais conteúdo no futuro

      Você toparia ter uma teleconsulta com um dentista para um atendimento inicial? SimNão

      Sugestões de leitura

      Periodontite e o Risco de AVC em Pessoas com Menos de 50 anos

      A periodontite, uma inflamação das estruturas que sustentam nossos dentes, pode aumentar muito o risco de AVC (derrame cerebral) em pessoas com menos...

      Alerta para os riscos do Xilitol – Novo Estudo

      Um recente estudo, publicado no European Heart Journal, revelou uma ligação preocupante entre o consumo de xilitol, um adoçante de baixas calorias, e...

      Câncer bucal: o dentista pode ser o primeiro a detectar

      Quando vamos ao dentista, geralmente buscamos resolver um problema dental que esteja nos incomodando, obter uma limpeza dental ou melhorar a estética dos...

      Infecções Bucais: Causas, Sintomas e Tratamentos

      Infecções na boca podem ser bem incômodas e causar preocupação, tornando tarefas do dia a dia, como comer ou escovar os dentes, mais...

      Novo Medicamento pode Regenerar Dentes Perdidos

      Os cientistas vêm obtendo progresso no desenvolvimento de um novo medicamento que pode ajudar a regenerar os dentes. Sim, regenerar os dentes. O...

      Periodontite pode aumentar risco de morte, revela estudo

      Uma pesquisa recente acendeu um alerta vermelho ao revelar uma forte conexão entre a periodontite e o risco de morte por diversas causas.O...